WebtivaHOSTING // webtiva.com . Webdesign da Bahia
jose mario corretor

campanha lacre solidario

paulo filho crm



pax perfeicao

samuel veiculos

scala fashion

pax perfeicao
costa pra rua

julho 2020
D S T Q Q S S
« jun    
 1234
567891011
12131415161718
19202122232425
262728293031  

casa bella mariana calçados dr marcus vinicius xavier urologista casa de carnes o bananal farmacia cinquentenario daniela rodrigues seguros

:: ‘Secom-Bahia2’

Inscrições para edital emergencial de Segurança Alimentar e Nutricional terminam nesta terça-feira (23)

_

As associações e cooperativas da agricultura familiar que ainda não se inscreveram no edital emergencial de Segurança Alimentar e Nutricional, do projeto Bahia Produtiva, precisam se apressar. As inscrições terminam nesta terça-feira (23).
São R$15 milhões destinados para apoiar 10 mil famílias de agricultores familiares que produzem alimentos como hortaliças, frutas, raízes, tubérculos e plantas alimentícias não convencionais (PANC). A meta é financiar 300 propostas, cada uma no valor de até R$ 50 mil.

O formulário eletrônico para a inscrição está disponível no site www.car.ba.gov.br, onde também é possível encontrar todas as informações sobre o edital. As dúvidas podem ser esclarecidas pelo e-mail [email protected], pelo telefone 71 3115-3941 ou pelo WhatsApp 71 99734-1701.

O Bahia Produtiva é um projeto do Governo do Estado, executado pela Companhia de Desenvolvimento e Ação Regional (CAR), empresa pública vinculada à Secretaria de Desenvolvimento Rural (SDR), com cofinanciamento do Banco Mundial.

Itambé: Prof. José Souza pede exoneração da direção do Colégio Polivalente para compor Chapa com Dr. Ageu Pimentel como Pré-Candidato a Vice-Prefeito

_

Na última quarta-feira (03/06/20), um dia antes do prazo final imposto pela legislação eleitoral para quem pretende disputar as próximas eleições para os cargos de prefeito ou vice, o Prof. José Souza pediu exoneração da direção do Colégio Estadual Polivalente de Itambé, após 8 anos e 5 meses à frente da Instituição de Ensino.

Será a primeira vez na história recente da política itambeense que um funcionário público municipal concorre a uma vaga no executivo. José Souza é licenciado em Letras, especialista em Gestão Pública e mestrando em Letras pela Universidade Estadual do Sudoeste da Bahia.

Reconhecido como excelente profissional e administrador, o Prof. José Souza há 23 anos presta relevantes serviços à Educação de Itambé em ambas as redes de ensino: municipal e estadual. Já ocupou o cargo de diretor da Escola Municipal Dr. Aparício do Couto Moreira, coordenou o PROFORMAÇAO – Programa de Formação de Professores no município e ocupou, até 03/06, o cargo de Diretor do Colégio Estadual Polivalente onde se notabilizou como um excelente gestor implementando transformações importantes naquela Unidade de Ensino em parceira com a equipe de profissionais da instituição, igualmente competentes.

“Dr. Ageu representa no momento uma renovação política em Itambé que já passou da hora de acontecer e na minha opinião ele foi muito feliz na escolha do seu parceiro de chapa. O Prof. José Souza, além de um profissional competente, é uma liderança jovem que conhece bem a cidade e as necessidades mais urgentes da população” declarou uma liderança à nossa reportagem.

“A cidade que queremos só depende de nós. Precisamos transformar Itambé na cidade que merecemos e,  para que isso aconteça, é mais do que necessária uma mudança de rumo na condução da nossa política para implantarmos ideias e projetos voltados para os interesses coletivos. É inadmissível continuarmos apostando em gestões que, notadamente, têm governado para um pequeno grupo político e não para o povo. Nunca imaginei entrar na política, mas as circunstâncias exigiram; os políticos que aí estão não me representa. Nossa querida Itambé tem vivido tempos difíceis. Nesse sentido, não poderia me omitir em contribuir com esse processo de transformação que todos nós sempre almejamos”, concluiu o Prof. José Souza.

 

Ascom PDT/Itambé

Combate ao CoronaVIRUS: Vereador Diga Diga faz doação de Cabine de Desinfecção para Secretaria de Saúde de Itapetinga

Vereador Diga Diga fazendo entrega do Equipamento ao Secretário de Saúde Hugo Sousa.

O vereador Diego Rodrigues – Diga Diga (PT) fez a entrega de uma Cabine de Desinfecção para a Secretaria Municipal de Saúde de Itapetinga na manhã deste sábado (13) nas mãos do Secretário de Saúde Hugo Sousa. A ação do vereador é mais uma ferramenta para ajudar no combate do COVID 19 no município de Itapetinga, o equipamento foi adquirido junto a empresa Tauros Engenharia, pioneira na fabricação de Cabine de Desinfecção no Estado da Bahia.

Neste momento de pandemia é hora de unirmos no combate a esse vírus que está matando muita gente no mundo todo, o momento não é de ideologia partidária, nem de processo eleitoral antecipado, sou vereador de oposição ao atual Governo Municipal, mas isso não impede de estarmos juntos a administração no combate ao covid – 19, nossa maior preocupação é com a população de Itapetinga“, destaca Diga Diga

O Equipamento foi disponibilizado a Secretaria Municipal de Saúde e poderá ser utilizado, para os profissionais do SAMU – 192, UPA 24 HORAS  e Hospital de campanha, ficando a critério da Secretaria, de fácil acesso pode ser transportado para qualquer de um desses locais.

_

Como Funciona: 

A Cabine fabricada pela Taurus Engenharia pulveriza o Antisséptico Hidratante, autorizado e registrado na ANVISA para uso humano. Com acionamento automático ou através de um sensor de presença, o produto usado é biodegradável, não irrita pele e mucosas, além de proporcionar excelente cobertura e pulverização.

Confira o vídeo: 

“Ministério da Educação precisa adiar o ENEM”, defende Jerônimo Rodrigues

_

A realização das provas do Exame Nacional do Ensino Médio (ENEM) em 2020, um ano marcado pela pandemia do novo Coronavírus, é duramente criticada pelo secretário da Educação do Estado da Bahia, Jerônimo Rodrigues. Para o secretário, manter as provas, cujas inscrições foram abertas nesta segunda-feira (11) e seguem até 22 de maio, é uma “decisão autoritária e equivocada do Ministério da Educação”. O secretário já oficiou o INEP/MEC, solicitando o adiamento do ENEM para 2021, pós-pandemia, para uma nova data a ser dialogada com estudantes e secretários estaduais de Educação.

“Realizar o ENEM em ano de pandemia é um erro grave do MEC. É desconsiderar a realidade social da maioria dos estudantes. A SEC está disponibilizando conteúdos, mas a situação é mais difícil para aqueles que moram em áreas remotas, na zona rural, nos quilombos, nos distritos e até mesmo nas periferias dos municípios, por não terem acesso à internet”, ponderou Jerônimo Rodrigues.

Para o secretário, as condições de acesso ao Ensino Superior devem ser asseguradas para todos e que a realização do ENEM, neste contexto, exclui ainda mais os menos favorecidos. “Adotaremos todas as medidas necessárias para tentar adiar a realização do ENEM. Já conversamos com o CONSED (Conselho Nacional de Secretários de Educação) e com o próprio INEP sobre o adiamento. Entretanto, as inscrições já estão abertas. Então, a nossa obrigação é assegurar que os estudantes baianos estejam inscritos, enquanto tentamos mudar essa decisão”, ressaltou Jerônimo Rodrigues, ao orientar as escolas a abrirem para o apoio aos estudantes que não têm acesso a computadores e à internet para que façam suas inscrições.

Por isso, a Secretaria da Educação do Estado da Bahia elaborou orientações sanitárias e de logística para as escolas atenderem aos estudantes. O documento está disponível no Portal da Educação (wwe.educacao.ba.gov.br) e também está sendo enviado para todas os Núcleos Territoriais de Educação (NTE) e os gestores escolares. Segundo Jerônimo Rodrigues, 138 mil estudantes da rede estadual de ensino na Bahia devem fazer o ENEM e destacou como fundamental a parceria com as prefeituras, os secretários municipais de Educação, o movimento estudantil e a imprensa para garantir que um maior número de estudantes faça a inscrição para o exame.

Bahia: Governo do Estado inicia pagamento do vale-alimentação a estudantes

 

_

O repasse do vale-alimentação no valor de R$ 55 para os 800 mil estudantes da rede estadual de ensino foi iniciado na manhã desta segunda-feira (20), nas unidades da Cesta do Povo e do Assaí instaladas em 22 municípios baianos. Viabilizado pelo Governo do Estado, o vale-alimentação totaliza um investimento de R$ 44 milhões.

Para acelerar o processo, o Governo do Estado assinou um contrato com as duas redes de supermercados, assegurando que 284 mil estudantes tenham acesso imediato ao benefício. O restante do grupo vai receber, diretamente das escolas, cartões com o valor do auxílio.

_

“Esses 284 mil estudantes representam a cobertura de 22 cidades, em 13 territórios de identidade e cerca de 400 escolas. Iniciamos este processo com muita alegria, porque estamos vendo a concretização da segurança alimentar dos estudantes da rede estadual. Toda nossa equipe está envolvida e atuando em parceria com as duas redes de supermercados para que essas famílias consigam fazer as compras o mais rápido possível”, afirmou o secretário estadual da Educação, Jerônimo Rodrigues.

Lucia Muniz estuda à noite em um colégio estadual em Sussuarana e foi até o Assaí, em Pau da Lima, para confirmar que tem direito ao benefício e fazer as compras. “Essa ajuda é muito importante. Eu estudo e meu filho também. Já coloquei no carrinho macarrão, café, arroz, frango e ainda quero comprar uma carne e farinha”, listou.

A ambulante Edilene Vitório acessou o Portal da Educação e viu o nome da filha entre os beneficiados. “Fiz tudo como disseram na TV e vim aqui na Cesta do Povo da Ogunjá. Deu tudo certo e essa compra vai me ajudar bastante. Veio em boa hora”, comemorou.

Como funciona

Estudantes ou responsáveis deverão se dirigir ao setor de atendimento ao cliente das lojas. Apenas itens do gênero alimentício, como arroz, feijão, macarrão e açúcar, poderão ser adquiridos com os R$ 55.

“Apesar de serem 39 lojas abertas e bem espalhadas, pedimos aos responsáveis ou alunos, que, se puderem, só reservem a uma pessoa a tarefa de ir ao mercado, que evitem aglomerações e que vão de máscara”, aconselhou Jerônimo.

No Portal da Educação, há uma lista com o nome da escola e para qual rede a pessoa que tem o número do Cadastro de Pessoa Física (CPF) cadastrado na unidade escolar (estudante, pai, mãe ou responsável) deve se dirigir. Em caso de dúvida, o estudante deve ligar para a escola onde estuda ou para o 0800 284 0011.

Repórter: Renata Preza

_

Bahia: Rui anuncia ajuda financeira de R$ 44 milhões a 800 mil estudantes da rede estadual

Foto: Paula Froes/GOVBA

O governador Rui Costa anunciou que encaminha ainda hoje à Assembleia Legislativa da Bahia um Projeto de Lei para garantir que todos os estudantes da rede estadual de ensino recebam um vale alimentação. A medida vai beneficiar cerca de 800 mil alunos e o Governo do Estado vai investir R$ 44 milhões com recursos próprios. O governador explicou que a Secretaria da Fazenda do Estado avalia junto às instituições financeiras a forma de viabilizar que o recurso chegue o mais rápido possível aos estudantes.

“Essa é uma medida para garantir que esses jovens possam reforçar a alimentação em suas famílias neste momento de pandemia do novo coronavírus. Tenho certeza que teremos o empenho da Assembleia Legislativa pela aprovação do projeto. Estamos em diálogo com os bancos para verificar o formato mais rápido de fazer esse dinheiro chegar na mão de cada família”, destaca Rui Costa.

O governador também revelou que, ainda nesta segunda-feira, será sancionado o Projeto de Lei do Governo do Estado que determina que estabelecimentos privados e públicos, em funcionamento, assegurem máscaras para seus funcionários em serviço e fiscalizem o uso do material. O projeto foi aprovado pela Alba no sábado (11), e abrange todos os estabelecimentos industriais e comerciais. Com a nova lei, o uso deixa de ser opcional e passa a ser obrigatório.

Segundo o governador, o empregador também será responsável por fiscalizar o uso do equipamento pelos funcionários. As penas previstas para quem descumprir a medida são o pagamento de multa e até fechamento do estabelecimento. “Estamos reforçando o apelo à população para que use máscaras, já que esta pode ser uma forma de conter o avanço do coronavírus. O Projeto de Lei se soma ao esforço que o Governo do Estado vem fazendo no combate a essa pandemia”, explica Rui Costa.

Governo da Bahia cria canal de recursos educacionais digitais em parceria com universidades para educadores e estudantes

Foto: Ilustrativa/ Divulgação ASCOM Educação

A Secretaria da Educação do Estado (SEC) está aportando uma série de novos conteúdos no Portal da Educação (www.educacao.ba.gov.br) para ampliar as possibilidades de acesso de estudantes e professores da Educação Básica e do Ensino Superior a conhecimentos, por meio de Recursos Educacionais Digitais (RED), produzidos pelas 12 Instituições Públicas de Ensino Superior (IES) na Bahia. Para tanto, foi criado o Canal das Universidade. Esta é mais uma ação estratégica adotada pela SEC, por meio de um amplo diálogo e parceria com as IES, no contexto de suspensão das aulas presenciais nas escolas e universidades, diante do enfrentamento à pandemia do Coronavírus.

O Canal das Universidades está hospedado no Portal da Educação, na chamada Plataforma Anísio Teixeira, que já contém mais de 10 mil RED, onde se destacam as aulas do Ensino Médio com Intermediação Tecnológica (EMITEC), com acesso livre por qualquer computador, notebook, tablete ou celular. O Canal das Universidades pode ser acessado pelo link do Portal da Educação ou pelo link direcionado à Plataforma Anísio Teixeira (http://pat.educacao.ba.gov.br/home/ipes). Neste primeiro momento, as comunidades escolar e acadêmica terão acesso a uma série de conteúdos educacionais, como cursos, vídeo aulas, sequências didáticas e cartilhas, entre outros conteúdos que estarão agrupados na Plataforma Anísio Teixeira e que foram disponibilizados pelas 12 instituições públicas de Ensino Superior da Bahia (UNEB, UEFS, UESB, UESC, UFBA, UFOB, UFRB, UNILAB, UFSB, UNIVASF, IFBAIANO E IFBA), com links para seus respectivos ambientes. Na segunda etapa, o canal ganhará mais funcionalidades, permitindo uma melhor usabilidade por parte dos educadores, além de poder receber conteúdos multimídia.

O secretário da Educação do Estado, Jerônimo Rodrigues, destacou que esta ferramenta reflete ainda mais a ambiência de parceria da SEC com as IES, além do fortalecimento da Educação na Bahia. “A concretização desse ambiente na Plataforma Anísio Teixeira expressa uma nova dinâmica de cooperação entre a Secretaria da Educação e as instituições públicas baiansas de Ensino Superior, a fim de fortalecer a formação de educadores e consolidar a aprendizagem dos estudantes”, afirmou, ao acrescentar as possibilidades de otimização do Canal. “Nós queremos ampliar ainda mais esta plataforma e também estamos dialogando com outras entidades, a exemplo da UNDIME- BA (União Nacional dos Dirigentes Municipais- Bahia); da União Nacional dos Conselhos Municipais de Educação (UNCME-Bahia); do Conselho Estadual de Educação (CEE); da APLB-Sindicato; e dos Fóruns de Educação. Tudo isto sem perder de vista a nossa grande preocupação com aqueles que não têm acesso à internet”.

O reitor da Universidade do Sudoeste da Bahia (UESB) e presidente do Fórum dos Reitores das Universidades Estaduais Baianas, Luiz Otávio de Magalhães, falou sobre o significado desta iniciativa em um momento tão emblemático como este. “Nós estamos vivenciando uma crise que tem origem em questões relacionadas à saúde pública, mas que terá grandes impactos em outros campos da vida social, em particular na Educação. Este momento atual obriga órgãos públicos e instituições relacionadas ao desenvolvimento da educação a rediscutir as bases materiais e epistemológicas de nosso trabalho. É um primeiro passo, uma aproximação de universidades e órgãos da Educação Básica visando, neste momento, compartilhar conteúdos e experiências educacionais”, afirmou.

Suspensão das aulas – Em função da situação de emergência de Saúde Pública provocada pelo Coronavírus, as aulas foram suspensas em toda a Bahia por 30 (trinta) dias, conforme decretos nº 19.529/2020, de 16 de março de 2020, e nº 19.542/2020, de 18 de março de 2020, do Governo do Estado. A reposição das aulas dos 21 dias letivos englobados nos decretos será realizada na rede estadual de ensino. A redefinição do calendário escolar está sendo discutida com as diferentes representações da Educação Básica e do Ensino Superior pública e privada.

Governadores do Nordeste pedem reunião com ministros e criticam redução do Bolsa Família

_

Os nove governadores do Consórcio Nordeste fizeram uma reunião online na manhã desta sexta-feira (20), com participação do vice-presidente da Organização Pan-Americana da Saúde (OPAS), Dr. Jarbas Barbosa, para trocar experiências e buscar soluções conjuntas visando o enfrentamento e controle da pandemia do coronavírus que vem assolando o mundo.

Questionando sobre a possibilidade de isolamento total, Dr. Jarbas explicou sobre a importância das medidas adotadas por cada governo serem sustentáveis, já que o prazo ainda é incerto e o impacto social econômico pode ser muito grande. “Não temos uma prescrição objetiva, mas seguramente, os estados que não tem transmissão comunitária, se começarem a tomar a medida de distanciamento social muito rígida, podem não sustentar por muito tempo. Por outro lado, se deixa pra fazer no pico, pode ter hospitais e UTIs sobrecarregados demais”, esclarece o médico.

Após a reunião, o governador da Bahia e presidente do Consórcio Nordeste, Rui Costa, divulgou, nas suas redes sociais, que os governadores aprovaram um documento que será encaminhado ao Governo Federal questionando e pedindo imediata suspensão dos cortes do programa federal Bolsa Família. “Não justifica, neste momento de calamidade que nós estamos vivendo, o Governo Federal, só no Nordeste, cortar 96 mil benefícios só neste mês. É preciso ter alguma sensibilidade social e proteger as pessoas mais pobres”, afirmou Rui.

Ainda de acordo com Rui Costa, os gestores nordestinos vão fortalecer o pedido dos 27 governadores do Brasil para reunirem, pelo menos, com dois ministros de estado, especificamente os da pasta de saúde, Luiz Mandetta, e de economia, Paulo Guedes, para que os estados possam adotar as medidas cabíveis diante da crise agravada pela pandemia.

Poções: Empresários paulistas estudam instalar indústria de alimentos e gerar até 500 empregos

_

Na última semana, os diretores-presidentes da empresa NutryVitta, que está localizada no estado de São Paulo, Marcelo Mussolino e Mauricio Mussolino, estiveram em Poções para estudar a possibilidade de instalar uma indústria de alimentos e derivados da banana no município. Com a instalação de sua filial no nordeste, a empresa deve aumentar sua produção, ter o menor custo, e gerar até 500 empregos diretos, durante os três turnos. A previsão é que a implantação comece no início de 2021.

Em uma reunião realizada com o prefeito de Poções, Leandro Mascarenhas, os empresários elogiaram a localização da cidade, onde poderá ser instalada a indústria e centro de processamento do fruto. Atualmente, a banana é a principal fruta produzida no município.

Após o encontro, os diretores visitaram produtores de banana da região e destacaram  à qualidade dos produtos. “Poções tem uma grande produção de banana que pode crescer muito mais com nosso incentivo. Temos aqui água em abundância, clima favorável, ótima localização e interesse do poder público”, disse Marcelo Mussolino.

De acordo com Maurício, Poções tem uma excelente localização, sendo cortada pela BR-116, fácil acesso ao Porto de Ilhéus e próxima ao Aeroporto Internacional de Vitória da Conquista. “Além dos produtores de Poções, ainda há muitos outros produtores nos municípios vizinhos”. Ainda segundo o empresário, a proposta da empresa é montar um centro de distribuição para atender o nordeste, tendo em vista o grande crescimento da venda de alimentos naturais no Brasil.

O Prefeito da cidade elogiou a iniciativa do Grupo Mussolino. “Há mais de um ano estamos buscando trazer os empresários até Poções para mostrar as qualidades do nosso município. Afinal, a geração de emprego é o início para desenvolvimento econômico da região”.

_

 

Tecnologia Cubana na área de diabetes será transferida para Saúde da Bahia

_

Um acordo de transferência de tecnologia de produção de medicamentos e gerenciamento de saúde na área de diabetes mellitus foi alinhado entre representantes governamentais de Cuba e o Secretário Estadual da Saúde Fábio Vilas-Boas, em visita oficial àquele país, nesta terça-feira (03).

De acordo com o Secretário Fábio Vilas-Boas, o Governo de Cuba desenvolveu um dos mais bem sucedidos projetos de controle do diabetes e de suas complicações, que incluem amputações e cegueira, em todo o mundo. Segundo Vilas-Boas, o projeto de parceria com o Governo cubano é fruto de reuniões iniciadas pelo Governador Rui Costa em visita oficial ao país em 2017 e sequenciadas pela Secretaria da Saúde do Estado da Bahia (Sesab) e Fundação Baiana de Pesquisa Científica e Desenvolvimento Tecnológico, Fornecimento e Distribuição de Medicamentos (Bahiafarma).

Uma molécula desenvolvida pelo Centro Cubano de Engenharia Genética e Biomolecular (CIGB) é capaz de aumentar a circulação de sangue nas pernas e pés afetados pela doença vascular do diabetes, evitando assim a amputação que afeta 4.500 baianos por ano. O medicamento está em fase final de aprovação regulatória do Brasil, sendo a Bahiafarma, junto com a Fiocruz Biomanguinhos, os primeiros laboratórios a aplicarem o novo fármaco no país.

Já na área de oftalmologia, uma tecnologia medicamentosa inovadora (uma vacina terapêutica) que age de forma oposta, evitando a formação de novos vasos na retina ocular de diabéticos (retinopatia diabética) promete ajudar a combater uma das principais causas de cegueira no país e economizar milhões de dólares para o sistema único de saúde brasileiro (SUS).

“Além da transferência de tecnologia de medicamentos, o acordo incluirá ainda a cooperação técnica no desenvolvimento e implementação de um projeto de controle de sequelas de diabetes nas 28 regiões de saúde do estado, aproveitando a estrutura das 25 Policlínicas Regionais de Saúde, dos novos centros de Hemodinamica e Cirurgia Vascular dos Hospitais Estaduais e de 200 salas de atendimento ao portador de pé diabético que estão em fase de implantação em 200 municípios baianos” acrescentou o gestor estadual.

A previsão é de que já no segundo semestre de 2020 o projeto esteja em fase de implantação, com resultados a serem colhidos dentro de um ano.

centro cardiologico de itapetinga

r d alinhamento

radio ativa digital

convidro

bora passageiro

paulo filho crm

pet shop porto das racoes

super moda

Alameda Rui Barbosa
Centro de Itapetinga
(77) 3261-9815


nutri acai

ki docura

leo moveis

gol bet


WebtivaHOSTING // webtiva.com . Webdesign da Bahia